“Aliança com Flávio Dino e experiência serão primordiais na corrida à prefeitura de São Luís”, afirma Rubens Júnior

Em uma sabatina para jornalistas em uma rádio, nesta quinta-feira (16), o deputado federal licenciado e secretário das Cidades do Maranhão, Rubens Júnior, afirmou que os anos de experiência e parceria política com o governador Flávio Dino serão fundamentais para garantir a continuidade de um projeto político de mudança que tem na superação das desigualdades, principal pilar do seu governo no Maranhão.

“Minha aliança com Flávio Dino não é de hoje, é desde o início. Entrei praticamente junto com ele na política. Ele foi meu professor e orientador de monografia na Universidade Federal do Maranhão”, relembrou.

Ao reavaliar sua trajetória política ligada ao governador, Rubens destacou a inspiração e lealdade ao governador. “Fiquei curioso com a entrada dele na política, vindo de uma bem-sucedida carreira na magistratura. Ele sempre disse que para mudar a vida de muitos é preciso fazer a boa política”, relembrou.

O deputado federal licenciado lembrou, ainda, que “já apoiava Flávio na primeira eleição que disputou. Estive com ele quando ganhou e quando perdeu, aprendi a fazer política com ele, focada sobretudo nas dores dos mais pobres. Quero trazer a forma do Flávio Governar para a prefeitura e fazer ainda mais pela população da cidade”.

Experiência no Executivo

Rubens Júnior também destacou a experiência à frente da Secretaria de Cidades, como importante experiência para aprimorar os conhecimentos na longa carreira no legislativo.

“Tem sido uma experiência incrível na Secid, estou maduro na árvore do legislativo. Quando tinha 27 anos eu fui líder da oposição ao governo Roseana Sarney. No meu primeiro mandato de Deputado Federal, vivi o pior da Câmara, presidida por Eduardo Cunha, enfrentei o processo de impeachment da Presidenta Dilma, quando disseram que o Brasil iria melhora e hoje não vemos isso”.

Para Rubens, entre os muitos programas da Secid, o “Cheque Minha Casa” é o mais inspirador e emocionante. “Hoje estive na casa do Senhor Juarez na Cila Passos. Olha, R$ 5 mil pode não ser muito para quem tem dinheiro, mas esses recursos ele me mostrou o piso que já reformou, as paredes, a casa recuperada…”

Desde que assumiu a pasta, houve ampliação dos Programas de Habitação rural e urbana, além do Programa de Revitalização de Praças, a exemplo do Viva Cidade Operária, da praça Nossa Senhora de Nazaré, do Programa Nosso Centro e da parceria com mais de 80 municípios sem que não tenha havido nenhuma denúncia de corrupção ou má aplicação de recursos.

“O governador não quer seus secretários em ar condicionado, ele nos quer nas obras averiguando se o dinheiro publico é gasto com eficiência. Me esforço para realizar essas ações”, disse o secretário.

São Luís do futuro

Para ele, a experiência bem-sucedida do Parque do Rangedor mostra que é possível conciliar várias políticas com a valorização dos espaços públicos. “O Parque do Rangedor que era um lixão, foi revitalizado pelo governo do Estado e hoje é completamente lotado, isso mostra que a valorização de espaços públicos é um dos caminhos para o desenvolvimento da cidade”.

Perguntado sobre os maiores desafios para São Luís, Rubens disse que vai se concentrar no fortalecimento da gestão em momento de crise. “Fazer mais com menos, mais rápido e para quem mais precisa, tenho a impressão que a crise não passará agora, então temos que focar na política fiscal e de bom uso dos recursos públicos”.

Outro ponto é a valorização da educação e saúde como prioridades de gestão. “As políticas publicas prioritárias são saúde e educação, qualquer que seja o candidato à prefeito, não pode fugir desses temas como prioridade.

Deixe uma resposta